Brasil Homem morre após ser esfaqueado durante desentendimento por ciúmes...

Homem morre após ser esfaqueado durante desentendimento por ciúmes de mulher em Palmas

-

- Advertisment -

Um homem foi esfaqueado e morreu neste domingo (19) em Taquaralto, na região sul de Palmas. Segundo a Polícia Militar (PM), a vítima foi golpeada no peito. O suspeito foi preso e confessou que atacou a vítima após um desentendimento por ciúmes da esposa.

O crime aconteceu perto de uma estação de ônibus por volta de 9h. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi chamado ao local, mas a vítima já estava sem vida. O corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML).

Pessoas que presenciaram o crime informaram à PM que o suspeito seria um homem conhecido na região e que trabalha em uma sucata. Conforme as testemunhas, ele e a esposa estavam no local quando a vítima chegou em uma motocicleta e que, após alguns instantes, houve uma discussão e o suspeito e a mulher saíram correndo.

A polícia fez buscas e o suspeito foi localizado em uma casa no Jardim Aureny II. Ele confessou o crime. Questionado sobre a motivação, o homem disse que foi “em razão da vítima ter paquerado sua esposa e ainda informou que não pretendia matar, que a morte foi por acidente”, informou a PM.

Ele e a mulher foram levados para a delegacia de Polícia Civil. Na unidade foi verificado um mandado de prisão em aberto contra a esposa do suspeito, que no início se apresentou com o nome falso. O casal foi preso e fica à disposição da Justiça.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Ultimas Notícias

Além da Ilusão: Heloísa confessa crime de Joaquim para Violeta

Violeta (Malu Galli) verá sua vida virar completamente de cabeça para baixo em Além da Ilusão. Isso porque a...

Colesterol alto é fator de risco para doenças cardiovasculares

O presidente da Sociedade Brasileira de Diabetes - Regional RJ (SBD-RJ), Daniel Kendler, lembra, no Dia Nacional...

“Bolsonaro é um criador de crises”, diz Maílson da Nóbrega

Exatamente. O desafio dos dois, mas é mais do Bolsonaro do que do Lula, é reduzir a...